Agosto 10, 2012

Nossos Trabalhos.

Posted in Uncategorized tagged , , às 13:37 por MariBarreto

Causa Nostrae Laetitiae, Ora Pro Nobis,

Caros amigos e fiéis,

Realizamos uma parte da pintura externa da nossa igreja. Internamente, já aplicamos o “selador”, espécie de pré-pintura que ajuda a melhor fixar a pintura definitiva. Portas e janelas estão sendo instaladas. Compramos o piso, mas a irresponsabilidade dos vendedores ( várias peças de granito defeituosas, que até agora não foram substituídas),  nos impediu instalá-las. Enquanto isto, estamos já instalando o piso das partes superiores (piso de cerâmica).

Vista do Mosteiro de Nossa Senhora da Fé, com a parte lateral da igreja já pintada.

Interior da igreja, com a pré-pintura.

Piso de um dos corredores (lado do claustro).

Piso do côro superior.

Corredor interno da igreja.

Instalamos uma oficina ao lado da garagem. Estamos construindo uma casa separada, que servirá de cantina e livraria, o que vai liberar a biblioteca, até agora usada, improvisadamente, para isto.

Futuras instalações da cantina e livraria do Mosteiro.

Nova oficina e garagem.

Interior da oficina.

Construimos um novo galpão, atrás do antigo (utilizado atualmente para a fabricação de tijolos). As estradas internas foram ampliadas. A fabricação de tijolos foi retomada, com vistas ao término da construção da igreja (que terá seu comprimento aumentado em 8 metros).

Novo galpão, que muito nos auxiliará nas nossas atividades.

Tijolos secando à sombra. Precisaremos de mais uns 10.000 grandes tijolos para terminar nossa igreja. A construção já consumiu mais de 30.000, todos fabricados aqui.

A água aqui é fácil, mas nem sempre é fácil controlar sua qualidade. Conseguimos realizar um velho desejo, a perfuração de um poço artesiano na propriedade. A água agora é extraída 40 m abaixo do solo.

Perfuração do poço.

Tanque de 10.000 l , que aumenta nossas reservas de água para 15.000 l.

4 ciprestes e uma oliveira já foram plantados no claustro.

Nossos sinceros agradecimentos a todos os nossos benfeitores, que tornam possível a realização gradual desta obra monástica em benefício das almas, e sobretudo para a glória de Deus. Aproveitamos para pedir orações pelas vocações religiosas. Alguns jovens têm manifestado vontade de seguir a vida religiosa no Mosteiro, rezem para que o número destes aumente, e pela sua perseverança.

Anúncios
%d bloggers like this: